11 5671-9100
Telefone: 11 5671-9100 E-mail: vendas@prolab.com.br Facebook

Principais instrumentos de laboratórios e suas funções

Publicado em: 03/07/2014

Para a realização adequada de experimentos e pesquisas, um laboratório precisa estar equipado com diversos equipamentos e instrumentos que permitem a manipulação em química, física e bioquímica, bem como a medição e conservação dos resultados obtidos.

flickr.com / iT@c Instrumentos de laboratório permitem manipulação em química, física e bioquímica.

Existem materiais dos mais diferentes tipos, e os artigos necessários para a completa instrumentação pode variar de acordo com o tipo de laboratório. Confira abaixo uma lista com os instrumentos mais comuns utilizados em laboratório e suas respectivas funções:

Balança analítica: obtém massas com exatidão, mesmo em pequenas quantidades e leves variações;

Bureta: tubo oco, longo e fino, projetado para conter líquidos. Usada para medir volume de soluções por escoamento;

Centrífugas: dispositivo que gira um objeto ou uma substância em alta velocidade, acelerando processos de decantação;

Frascos: vidro transparente ou utilizado para medir, misturar líquidos ou produtos químicos;

Pipeta: dispositivo semelhante a um conta-gotas, usado para medir e transportar volumes. A pipeta é inserida dentro de um recipiente de líquido, onde se cria um vácuo;

flickr.com / Nicola Sapiens De Mitri Pipeta é o nome de um instrumento de medição e transferência rigorosa de volumes líquidos.

Ultracentrífuga: instrumento concebido para girar um objeto em torno de um eixo fixo, enquanto se aplica uma força perpendicular. A ultracentrifugação é realizada a uma velocidade mais rápida do que 20.000 RPM e é usada para separar as partículas minúsculas uma das outras, a fim de determinar os seus tamanhos e pesos moleculares.

Últimas Notícias

Desenvolvido por: AO5 Marketing Digital