11 5671-9100
Telefone: 11 5671-9100 E-mail: vendas@prolab.com.br Facebook

Entenda a importância do manequim torso para treinamento de RCP

Publicado em: 12/09/2018

iStock / Getty Images Plus / Mihajlo Maricic O procedimento de RCP visa fazer o coração voltar a bombear sangue em caso de parada cardiorrespiratória, e é preciso de treinamento adequado para realizá-lo corretamente.

A Ressuscitação Cardiopulmonar, conhecida pela sigla RCP, é uma técnica que tem como principal objetivo salvar a vida de pessoas que estejam sofrendo com uma parada cardiorrespiratória. Isto acontece quando o corpo não apresenta nenhum sinal de pulso ou respiração: nestas condições, o coração para de bombear o sangue para o corpo e o oxigênio não chega ao cérebro, fazendo com que o corpo possa entrar em falência, chegando ao óbito.

Realizar a RCP corretamente e no tempo adequado, portanto, é fundamental para salvar vidas — sendo extremamente importante que determinados profissionais estejam devidamente preparados para lidar com situações em que pode ser necessário realizar uma massagem cardíaca.

Como funciona a RCP

A Ressuscitação Cardiopulmonar tem como principal objetivo fazer o coração voltar a bombear o sangue pelo corpo e ventilar os pulmões, fazendo com que o corpo não sofra com a falta de oxigênio. Para isso, é realizada a massagem cardíaca, que deve ser realizada sempre com as mãos sobrepostas sobre o peito do paciente, exatamente na região central, entre os dois mamilos, onde se encontra o coração.

Nesta posição, deve ser feita a pressão para que o coração volte a bombear o sangue pelo corpo. Além disso, deve ser feita a ventilação, com a respiração boca a boca, levando oxigênio para o corpo e evitando que o corpo do paciente entre em falência com a falta de oxigênio. Esta ventilação deve ser feita a cada trinta compressões torácicas, com duas respirações boca a boca.

Com a alternância entre compressões e ventilação, é possível manter o paciente com vida até a chegada do socorro, ou até mesmo fazer com que o corpo reaja. Para que isso funcione, entretanto, é essencial que a técnica seja aplicada de maneira correta — o que evidencia a importância do treinamento.

A importância do treinamento e do manequim torso para a RCP

Embora seja uma técnica fundamental para salvar vidas, a RCP não é um procedimento simples, devendo sempre haver um treinamento para que se saiba como agir neste tipo de emergência. Neste treinamento, um item fundamental é o modelo anatômico de um manequim torso, uma ferramenta educacional que imita um corpo real com o intuito de permitir a experimentação do processo de reanimação e massagem cardíaca.

Ao garantir o treinamento com auxílio de um manequim torso, é possível proporcionar uma preparação realista para quem precisa dominar a técnica de RCP — especialmente socorristas, médicos e enfermeiros. Outro ponto positivo do uso do manequim torso para o treinamento de RCP é que a dificuldade apresentada pelo manequim é a mesma que os socorristas terão com um corpo humano, inclusive no que diz respeito ao esforço físico empenhado.

Vale destacar que, além de diversos equipamentos farmacêuticos de qualidade, a Prolab oferece diversos tipos de modelos anatômicos e simuladores que auxiliam no treinamento e aprendizado de diversas profissões, proporcionando uma experiência realista e precisa dos mecanismos demonstrados. Confira os modelos anatômicos para emergências e solicite um orçamento!

Últimas Notícias

Desenvolvido por: AO5 Marketing Digital