11 5671-9100
Telefone: 11 5671-9100 E-mail: vendas@prolab.com.br Facebook

Phmetro de bancada: entenda sua função e como usar o equipamento corretamente

Publicado em: 21/02/2018
PHmetro de bancada

photongpix / iStock / Getty Images Plus O pHmetro tem a função de medir o potencial hidrogeniônico de uma substância, mostrando se ela é ácida, alcalina ou neutra.

O pHmetro é um instrumento que mede o potencial hidrogeniônico de uma substância, indicando se ela é ácida, neutra ou básica. O equipamento funciona com um eletrodo que gera uma tensão quando é submerso na amostra: a intensidade da tensão é medida e convertida em uma escala de pH, que é apontada em uma numeração que vai de 0 a 14 — em que índices iguais a 7 indicam neutralidade, menores do que 7 apontam acidez e acima disso representam alcalinidade.

A utilização do pHmetro é essencial para atividades industriais e laboratoriais nas mais diversas áreas, que incluem: ciências, agricultura, petroquímica, farmacêutica, cosmética, biológica, alimentícia, entre outros. Existem quatro tipos de pHmetro: de bancada, de bolso, portátil e digital.

Para que serve um pHmetro de bancada?

O pHmetro mede o potencial hidrogeniônico de uma substância, indicando se ela é caracterizada por ser ácida, alcalina ou neutra. Trata-se de uma conferência essencial para a identificação de produtos químicos, alimentícios e da água, de modo a avaliar se há alguma anormalidade no produto.

O eletrodo do medidor de pH é conectado a um potenciômetro, que produz milivolts que são convertidos em unidades de potencial hidrogeniônico. A calibragem do equipamento é fundamental para obter um resultado preciso e, se o aparelho for estável e usado com frequência, não é necessário calibrá-lo diariamente. Do contrário, para manter sua qualidade, é preciso sempre calibrar antes da utilização para não correr o risco de ocorrer erros em seu uso.

Principais erros apresentados pelo pHmetro de bancada

O pH de bancada é bastante usado em laboratórios e indústrias, sendo indicado para a realização de trabalhos que necessitam de controle e/ou monitoramento do pH, apresentando o diferencial de possuir uma faixa de compensação de temperatura.

O pHmetro de bancada pode ser usado em trabalhos de campo e indica resultados imediatamente, garantindo facilidade no trabalho de pesquisa. Os erros de medição de pHmetro podem acontecer com certa frequência: um deles é o potencial de junção, quando a solução da calibração do eletrodo não é a mesma da sua composição iônica. Outro problema está no sódio que, em quantidades acima ou abaixo do indicado, corre o risco de prejudicar o resultado.

É preciso hidratar o eletrodo para que ele mantenha sua nitidez na realização da avaliação. Do contrário, ele terá dificuldade em apresentar maior nitidez e resultados satisfatórios. Outros erros também podem surgir tal como os erros dos padrões de calibração, erro de potencial de junção, erros de deslocamento do potencial de junção, erro de temperatura e erro no tempo para atingir o equilíbrio.

Últimas Notícias

Desenvolvido por: AO5 Marketing Digital